Casos de Polícia

Bebê de 9 meses espancado pela mãe segue internado

O bebê de nove meses, encaminhado ao Hospital Miguel Couto após ser espancado pela mãe, segue internado.

Sua mãe, Edilaine de Araújo Assis, de 19 anos, alegou ao confessar o crime que batia na criança porque ela “puxava o cabelo dela” e que não queria dormir.

bebê deu entrada no Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, com marcas roxas de diversas agressões diferentes, com fraturas nos arcos costais, traumatismo craniano e anemia.

“O casal assumiu a responsabilidade de cuidar da criança enquanto a mãe trabalhava, após terem ajustado uma compensação em dinheiro.

Além disso, há indícios que de Wanderson e Naiara possam ter caudado lesões graves ao bebê quando optaram por fazer manobras de reanimação no bebê que não apresentava sinais vitais em vez de o levarem a um pronto-socorro”, explicou o delegado.

Os três foram indiciados na 22ª DP pelo crime de tortura qualificada, por conta das graves lesões provocadas contra uma criança.

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo