Casos de PolíciainvestigaçãomilíciaOperação Policial

Buscas até no interior do Estado de provas contra a milícia de Ecko

A Secretaria de Polícia Civil por intermédio da Delegacia de Repressão a Ações Criminosas Organizadas (DRACO) com apoio de várias delegacias especializadas, deflagrou nesta manhã operação para cumprimento de 28 mandados de busca e apreensão contra investigados por participação na maior organização criminosa do Estado, a milícia comandada por Wellington da Silva Braga, o Ecko ou Didi.

As diligências fazem parte de investigações a respeito de uma célula da ORCRIM que faz o controle armado de todo perímetro dominado pela milícia. Equipes cumprem mandados em Santa Cruz, Campo Grande, Paciência, Seropédica, Mesquita e Paty do Alferes.

Os mandados foram expedidos pela Vara Especializada no combate do crime organizado do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

Nenhuma identidade será revelada para não atrapalhar as investigações.

Informa a DRACO que todos aqueles ligados à milícia, direta ou indiretamente, serão responsabilizados.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo