Casos de Políciacorrupção policialinvestigaçãoOperação PolicialPrisão

Demétrio fez acerto com Adriano da Nóbrega para pagar propina para DRACO e parar operações em Rio das Pedras ou vazar informações

Entre junho e setembro de 2016, o delegado Maurício Demétrio acertou com o capitão da PM Adriano Magalhães da Nóbrega um acordo de pagamento sistemático e rotineiro de vantagem indevida a policiais civis ainda não identificados então lotados na DRACO (Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e Inquéritos Especiais), para determiná-los a praticar, omitir ou retardar ato de ofício..

Ele vazou por diversas vezes informações de interesse do capitão e intercedeu em investigações a favor do policial, que era chamado de Amigo da Montanha.

Os elementos produzidos indicam que, em determinado momento, policiais da DRACO aceitaram receber propina em troca do compromisso de inação policial na região de Rio das Pedras, em Jacarepaguá com a pronta interrupção de diligências no local, e o vazamento de informações sigilosas sobre investigações

Ok. É… falei com os caras lá… o amigo lá do sábado… ele falou que já vai tirar a VTR de lá, tá? Que vai arranjar outra maneira de pegar os caras… Que… aí eu te explico pessoalmente lá. E se, por acaso, aparecer uma viatura lá, aí você me dá um toque. Manda anotar o número, entendeu? E me avisa. Beleza? Aí, conversa lá com os caras, que eles querem saber qual é o tamanho, aí, da amizade. Entendeu? Mas, da parte deles já vai tirar a viatura, tá? A VTR vai sair já… Se, por acaso, aparecer outra viatura, outra VTR lá, anota o número pra me passar, beleza? Não tem nada em andamento… se quiser fazer amizade..

Agora, sapato total, tá? Eu sei que tu não é de bobeira, mas avisa lá que não é pra ficar gritando aos quatro ventos que fechou arrego com a DRACO. Esse é o problema… esse é o medo deles lá, entendeu?´

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo