Casos de PolíciaNotícias

Denúncias afirmam que corpo achado na Gardênia é de assassino de mãe e filho

A Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) abriu inquérito para apurar as circunstâncias da morte de um homem, ainda não identificado, cujo o corpo foi encontrado, na manhã da última segunda (10/02), na Avenida Canal do Anil, Gardênia Azul, em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio. Diligências estão em andamento para esclarecer o caso.

Segundo denúncias, o cadáver seria do assassino da mãe e bebê, crime bárbaro ocorrido no dia 07/02. O rapaz estava escondido em uma casa invadida por ele pouco antes da morte. O homem gritava dizendo que queria pedir perdão à família da vítima, fato esse não confirmado.

O suspeito do crime que vinha sendo procurado pela polícia se chama Luís Fernando Barbosa. Ele era ex-companheiro da prima da vítima.

A mãe Marileide da Silva Nascimento de 22 anos, e o bebê, de 4 meses, Brian Lucca, foram mortos a facadas.

A Gardênia Azul é dominada por milicianos há vários anos.

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo