Casos de PolíciaDenunciamilíciaPrisão

Em Rio das Pedras, comerciantes confirmam que pagam taxas semanais de R$ 20 e R$ 50 para a milícia mas por medo não vão na delegacia falar quem cobra

Comerciantes confirmaram a policiais civis da DRACO que a milícia em Rio das Pedras, em Jacarepaguá,  cobra valores semanais de R$ 20 e R$ 50.


Isso ocorreu há poucos dias durante a prisão do paramilitar conhecido como Papudo. Mas por medo ninguém quis ir na delegacia testemunhar contra o suspeito. 


A polícia adotou uma estratégia para prender milicianos no local. Os agentes ficaram baseados em diversos pontos de uma determinada avenida com viaturas descaracterizadas.


Os policiais identificaram o alvo e em momento contínuo presenciou o alvo realizando a cobrança e recebendo dinheiro de extorsão dos comerciantes.


Que ao presenciarem, os agentes abordaram o indivíduo na altura da Av. Engenheiro Souza Filho, número, 544. Com o suspeito, foram encontrados R$ 405 em espécie, proveniente da extorsão e um telefone celular da marca Apple; 


Um dos policiais disse que Papudo tem um posto de liderança dentro da organização criminosa sendo o cobrador principal da quadrilha e todos os valores arrecadados pela milícia passa nas mãos do mesmo. 

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo