Casos de PolíciaComando Vermelhoinvestigação

Finalmente depois de quase um ano, Justiça decretou quebra de sigilo de celulares encontrados com mortos no Alemão (CV) para a polícia apurar a ligação com o tráfico no Pavão Pavãozinho

Depois de quase um ano, a Justiça determinou no mês passado a quebra de sigilo de quatro telefones celulares solicitada pela polícia em um inquérito da Desarme que apura a atuação da facção criminosa ´Comando Vermelho´ no Complexo do Alemão e nas comunidades Pavão, Pavãozinho e Cantagalo, onde se desenvolve o comércio ilícito de armas e drogas. 

Após uma operação policial ocorrida no Complexo do Alemão no dia 15 de maio de 2020, que resultou na morte dos líderes da facção criminosa Leonardo Serpa De Jesus, vulgo ´Leo Marrinha´ e Leandro Simões Nascimento Furtado, vulgo ´Diminho´, policiais lograram encontrar com os falecidos quatro aparelhos telefônicos celulares, os quais foram apreendidos. 

Tendo em vista a posição de comando que o falecido Leonardo Serpa exercia na comunidade, a autoridade policial solicitou pelo afastamento do sigilo de dados dos aparelhos celulares apreendidos, de forma a permitir a identificação dos integrantes e da estrutura da facção criminosa. 

Os autos foram distribuídos à 41ª Vara Criminal da Comarca da Capital, e foi proferida decisão de declínio de competência para a 1ª Vara Criminal Especializada da Capital

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo