Casos de PolíciaGuerra entre facçõeshomicídioOperação Policial

Guerra do tráfico em Campos tem invasão, perseguição policial e um assassinato

Uma “guerra” entre membros de facções rivais teve tentativa de invasão no Jóquei, perseguição policial e um assassinado a tiros na noite deste sábado (23), em Campos dos Goytacazes.

_Uma caminhonete usada por criminosos para atacar rivais foi abandonada após perseguição policial por várias ruas da cidade. E um jovem de 22 anos acabou morto.

Tudo começou quando a Polícia Militar descobriu que homens fortemente armados em uma caminhonete Toyota tentavam invadir um local conhecido como Matinha, por volta das 21h, no bairro do Jóquei.

PMs foram ao bairro e localizaram a caminhonete. Os militares observaram que homens armados em duas motos perseguiam a caminhonete e várias pessoas corriam com medo do que poderia ocorrer.

Os militares iniciaram uma perseguição por várias ruas até o Parque Guarus, onde a caminhonete foi abandonada na rua Paciência, e os criminosos conseguiram fugir.

Dentro da caminhonete, foram encontradas nove munições para pistola calibre 9 milímetros.

A polícia descobriu que a caminhonete está em nome da mãe de um presidiário.

Enquanto os policiais revistavam a caminhonete, receberam informações de que um jovem identificado como Marcelo Santos de Souza, 22 anos, acabara de levar vários tiros na rua Aldenor Alves dos Santos, no Parque Santa Helena.

Marcelo chegou a ser socorrido, mas morreu ao dar entrada no Hospital Ferreira Machado. A polícia apura se membros da facção que foi atacada no Jóquei teriam se vingado e cometido o assassinato. O caso foi registrado na 146ª DP/Guarus.

Mostrar mais

PUBLICIDADE

Aguarde 10 segundos e clique em fechar publicidade para visualizar a notícia.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Encontramos um bloqueador de anúncios em seu navegador. Desabilite-o para navegar