Casos de PolíciaComando VermelhoDenunciainvestigaçãoPrisão

HISTÓRIA MACABRA EM FRIBURGO – Ex-namorada delatou homem para traficantes (CV) com quem ele tinha dívida. Rapaz foi sequestrado e torturado e escapou de morrer por se fingir de morto

 K.N.O foi sequestrado por traficantes do Alto da Floresta, em Nova Friburgo, no ano passado por causa de uma suposta dívida de R$ 10 mil que possuía com os criminosos. Foi torturado e se fingiu de morto para não morrer. 

Quem o delatou aos bandidos foi uma ex-namorada. Ela e dois suspeitos de participar do crime estão presos. 

No dia 06 de junho de 2020, no horário compreendido entre 22h30min e 23h30min, na Estrada da Fazenda da Lage, em Conselheiro Paulino,  o trio  sequestrou K com emprego de extrema violência e grave ameaça, a intenso sofrimento físico e mental, com o fim de aplicar-lhe castigo pessoal, em razão de suposto prejuízo que causado por ele à facção criminosa ´Comando Vermelho´.

 A violência, a seu turno, consistiu em chutes, pauladas, pedradas e socos desferidos contra a vítima, 

O crime foi praticado por motivo torpe: os bandidos ,queriam castigar a vítima pelo fato de ela possuir uma dívida de R$10.000,00  com a organização. 

A mulher envolvida, em razão de já ter se relacionado com a vítima, atraiu a atenção desta para que os demais pudessem agredi-la, retirar-lhe a consciência, e sequestrá-la. 

 segundo as informações recebidas, a vítima teria sido colocada no porta malas de um carro branco. Os policiais narram que fizeram buscas em locais prováveis e conseguiram encontrar um Toyota branco vindo de ré. Dentro do veículo estavam os custodiados. A mulher conduzia o automóvel. 

Os policiais encontraram vestígios de sangue no lado direito do veículo, e também no tênis e nas mãos de um dos bandidos. Na margem de uma ribanceira, de onde o Toyota branco vinha, encontraram marcas de sangue na vegetação e em uma pedra. Na margem da via, em um matagal, encontraram a vítima agonizando, muito ferida na cabeça e sangrando bastante. 

Segundo os policiais, K disse que foi sequestrado pelos custodiados Wesley e Ruam, os quais afirmaram que iriam matá-lo em razão de uma dívida do tráfico. A vítima afirmou que se fingiu de morta, quando foi jogada na ribanceira. O ofendido foi socorrido e internado no hospital Raul Sertã, não se tendo notícias mais dele.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo