Casos de Polícia

Homem vai responder por homicídio triplamente qualificado por morte de lituano

O homem que matou o turista lituano Adam Zindul, de 37 anos, a pauladas e estuprou a mulher dele, uma paulista de 35, na madrugada de quinta-feira, na Praia do Sono, em Paraty, será indiciado em pelo menos três crimes.

O delegado Marcelo Russo, titular da 167ª DP (Paraty), responsável pelas investigações, informou que até o momento já tem provas suficientes para que Edson Santos, 37, responda por homicídio triplamente qualificado, estupro e tentativa de feminicídio.

“Homicídio triplamente qualificado pelo fato de o crime ter sido por motivo torpe, ter reduzido a impossibilidade de defesa da vítima e por emprego de meio tortuoso”, conta o delegado.

O corpo dele foi encontrado caído preso ao objeto, com um pano cobrindo sua cabeça e uma peça de roupa em volta de seu pescoço e com sinais de tortura.

Você estuprar a mulher com o cara com a cadeira virada com a porta aberta em um ângulo que pudesse ver é uma tortura psicologia”, defende.

“Quando ele a leva para o quarto, ele dá duas pancadas na cabeça dela, se monta em cima dela, faz uma esganadura em seu pescoço, até que ela desmaia.

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo