Casos de PolíciaComando VermelhoGuerra entre facçõesinvestigaçãoTerceiro Comando Puro

Investigação revela que complexos do São Carlos (TCP) e Penha (CV) disputaram controle de favela em Japeri

i

Investigação feita pela Polícia Civil revela que traficantes do Complexo de São Carlos, no Estácio, na Região Central do Rio, do Complexo da Penha, na Zona Norte da capital, estavam disputando o controle da Favela do Guandu, em Japeri.

Um inquérito foi instaurado após circularem informações extraoficiais, entre os dias 25 e 27 de junho de 2020, no sentido de que haveria uma ´guerra´ declarada entre as facções ´Comando Vermelho´ e ´Terceiro Comando Puro´, em busca pelo controle território do tráfico na comunidade . 

Ao todo, 13 bandidos tiveram a prisão decretada e um deles foi Leonardo Miranda da Silva, o Léo Empada ou Léo Massacre, um dos líderes do tráfico no Complexo de São Carlos

Segundo o apurado nos autos, a facção ´Comando Vermelho´ dominava o Guandu, até que, no corrente ano, alguns de seus integrantes decidiram se vincular à facção ´Terceiro Comando Puro – TCP´, promovendo uma insurgência (´golpe´), que resultou na troca de domínio de forças sobre a localidade. 

Diante da perda do domínio e dos lucros advindos do tráfico de entorpecentes no Guandu, as lideranças da facção ´Comando Vermelho´, a partir de um consórcio de traficantes oriundo de outras regiões, orquestraram ações para a retomada do território, marcadas por violentas disputas. 

Como medida intimidatória e de publicidade de suas ações, os integrantes do ´Comando Vermelho´ passaram a divulgar, especialmente por intermédio de redes sociais, vídeos e imagens, onde podem ser observados traficantes integrantes do grupo, dentre eles alguns dos denunciados, ostentando armas de fogo, tais como fuzis e pistolas. Um desses vídeos, aliás, foi exibido no programa ´Balanço Geral´ da Rede Record, além de publicados na página da web da emissora (R7).

Ainda no curso das investigações foi noticiado por meio do inquérito policial nº 063-00887/2020 a prática dos delitos de roubo e cárcere privado, praticados em razão da disputa territorial entre facções criminosas. 

Uma das vítimas do citado roubo, quando ouvida em sede policial, asseverou que os armamentos utilizados pelo grupo de traficantes possuíam as iniciais ´PH´, que, de acordo com os termos das declarações prestadas  pertencem aos integrantes do ´Comando Vermelho´ oriundos do Complexo da Penha. 

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo