Casos de PolíciaTiroteio

Ministro da Defesa lamenta morte de música alvejado por militares no Rio

O ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, classificou como um “lamentável incidente” a morte do músico Evaldo dos Santos Rosa, no Rio de Janeiro, por militares do exército. O carro em que Evaldo estava com a família foi alvo de mais 80 tiros. Segundo perícia da Polícia Civil, “tudo indica” que os militares confundiram o carro da família com o de assaltantes.
“Foi um acidente lamentável, triste, mas foi um fato isolado no contexto das operações que os militares brasileiros foram envolvidos até agora, e será apurado até as últimas consequências”, declara o ministro.
A morte de Evaldo é investigada pelo Exército. Na segunda-feira (8), dez militares, dos doze, foram presos.
A família que estava dentro do carro ia para um chá de bebê: Evaldo, a esposa, o filho de 7 anos, o sogro de Evaldo e outra mulher. O caso ocorreu no domingo (7), em Guadalupe, na Zona Norte do Rio.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo