Casos de PolíciaDenunciamorte em confrontoOperação PolicialTiroteio

Moradores protestaram contra morte de homem em operação na Maré. PM do BOPE foi ferido e cinco suspeitos foram mortos

Foi identificado como Renan de Lemos, de 24 anos, o homem morto a tiros nesta manhã (25) no Complexo da Maré, na Zona Norte do Rio, durante uma operação policial.

Moradores protestaram na pista central da Av. Brasil, na altura do Parque União, pela morte de Renan.

A Assessoria de Imprensa de Estado de Polícia Militar informa que nesta sexta-feira (25/11), a Secretaria de Estado de Polícia Militar e a Secretaria de Estado de Polícia Civil fizeram operação conjunta no Complexo da Maré, na Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro, para coibir movimentações criminosas relacionadas a roubos de carga e roubos de veículos. Policiais militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), do Batalhão de Ações com Cães (BAC) e do 22ºBPM (Maré) junto com policiais civis da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE) atuaram nas comunidades Nova Holanda e Parque União.

Durante a operação, policiais militares e cães farejadores do Batalhão de Ações com Cães (BAC) apreenderam cerca de três toneladas de maconha no Complexo da Maré. Ainda no decorrer da ocorrência, indivíduos fizeram disparos contra as equipes e ocorreu reação. Após estabilizar a área, três indivíduos foram encontrados feridos e houve apreensão de um fuzil, uma pistola, um revólver e duas granadas. O socorro foi feito ao Hospital Municipal Souza Aguiar mas eles morreram.

Já no fim do dia, policiais do BOPE realizavam patrulhamento, quando foram atacados por disparos de arma de fogo e houve confronto. Cessados os disparos, os policiais encontraram dois suspeitos feridos e os socorreram ao Hospital Getúlio Vargas, onde não resistiram. Com eles, foram apreendidos dois fuzis, sete carregadores, 108 munições e um rádio comunicador com base.

Equipes do 22ºBPM localizaram e recuperaram oito carros roubados.

Um indivíduo suspeito foi localizado em óbito próximo da Avenida Brasil, o 22ºBPM foi ao local e, segundo informações preliminares, estaria envolvido em confronto.

Policiais militares do Batalhão de Policiamento em Vias Expressas (BPVE), Batalhão de Polícia de Choque (BPChq) e do Batalhão de Rondas Especiais e Controle de Multidão (RECOM) reforçaram o patrulhamento no perímetro da Avenida Brasil ao longo de toda sexta-feira (25/11) e na madrugada deste sábado (26/11).

Cabe ressaltar que no início da ação, um policial militar do BOPE ficou ferido durante confronto com criminosos e foi socorrido ao Hospital Federal de Bonsucesso, onde está recebendo atendimento médico e apresenta-se estável.

As ocorrências foram encaminhadas para a 21ª DP, Cidade da Polícia e Delegacia de Homicídios da Capital.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo