Casos de PolíciaComando VermelhoTiroteio

Morte de PM em Cabo Frio foi festejada em redes sociais

A morte do PM Luis Paulo Costa da Silva, conhecido como Negão do Bope, assassinado no último domingo (16), em Cabo Frio, na Região dos Lagos, chegou a ser comemorada nas redes sociais.

Perfis no Twitter celebraram o fato. “Vai rolar churrasco depois da notícia de hoje. “Recebi a melhor notícia, agora tu vai queimar no colo do capeta” , “Bom dia hoje tem festa na favela”,

Dias antes da morte de Luís Paulo, uma postagem também no Twitter relacionado a Cabo Frio, avisava o que poderia acontecer: “A meta agora é Negão do Bope”.

Os internautas ainda ameaçaram um outro PM na postagem: “Só falta o Ribeiro agora”.

As postagens já foram retiradas da rede social.

Lotado no  25º BPM – Cabo Frio – o policial militar morreu após ser baleado por criminosos, ao sair do serviço na manhã de domingo.

O PM teria sido interceptado por um veículo branco na Av. Antônio Ferreira dos Santos, no bairro Braga, em Cabo Frio. O carro em que o agente estava, modelo Ford/EcoSport vermelho, ficou com várias perfurações de balas.

Em nota, a Secretaria de Estado de Polícia Militar lamentou a morte do agente. Perícia foi acionada e a ocorrência foi registrada na 126ª DP – Cabo Frio – que buscar câmeras de seguranças e informações que possam levar a autoria do crime.

Nesta segunda, a PM fez uma operação no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, pois recebeu informações que suspeitos do crime podiam estar no local. Houve confronto e quatro bandidos morreram.

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo