Casos de PolíciaComando VermelhoDenunciamorte em confrontoOperação Policial

Operação no Salgueiro (CV) era para acontecer na Penha. Traficante paraense que foi morto estava lá, sabia disso e se deslocou para São Gonçalo junto com seus seguranças

A operação policial que ocorreu no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, na última quinta-feira, que deixou 13 mortos, era para acontecer primeiramente no Complexo da Penha, na Zona Norte do Rio.

Isso porque o alvo principal da ação, Leonardo Costa Araújo, o Léo 41, estava na Penha, junto com sua segurança, Faixa Rosa, e outros comparsas paraenses.

Ao saber disso, Léo 41 se deslocou para o Salgueiro. O traficante Wilton Carlos Rabelo Quintanilha, o Abelha, preferiu ficar na Penha.

Um informante teria dado a localização de Léo 41 para a polícia. Um drone teria sobrevoado por dois dias o Salgueiro em busca de informações.

No dia da operação, dois helicópteros Águia da Polícia Civil que vieram pela Baía de Guanabara sobrevoavam exatamente em cima da casa onde estaria o traficante paraense.

A traficante Faixa Rosa morreu trocando tiros com os policiais.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo