Casos de PolíciainvestigaçãoOperação Policial

PF do Rio investiga quadrilha que importa peças de armas restritas dos EUA que vêm escondidas em pneus e relógios

A Superintendência da Polícia Federal (PF) no Rio de Janeiro investiga desde o ano passado a existência de uma organização criminosa que importa dos Estados Unidos, por meio de remessa postal, componentes de armas de uso restrito escondidos em pneus, relógio de parede e outros bens lícitos cujos destinatários são todos residentes no município de São Paulo/SP.

Uma das remessas seria de 93 peças de carregadores de fuzis, oriundos do EUA, que deveriam ser retiradas em uma agência dos Correios.

Em outro fato, um homem ficou encarregado de receber uma encomenda postal contendo peças para a montagem de quatro pistolas Glock 380 na agência dos Correios localizada no bairro do Butantã, pelo qual teria sido remunerado em R$ 900,00 , bem como a autoria de um mandante, que seria o dono dos objetos postados, e a colaboração de uma ‘mula’ da favela, todos no âmbito do supramencionado município. Ele foi preso.

A investigação foi aberta instaurado pela Delegacia de Polícia Federal do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro mas até agora os autos apontam que os receptadores são apenas de São Paulo.

Inclusive há um processo que tramita na 6ª Vara Criminal do Rio de Janeiro.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo