AssaltoCasos de Polícia

PM é preso suspeito de participar de roubo de R$ 1 milhão em joias

Um sargento da Polícia Militar lotado no 32º BPM/Macaé  foi preso durante uma operação da Polícia Civil (134ª DP/Centro) e Corregedoria da Polícia Militar (6ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar) na manhã desta quarta-feira (6), suspeito de envolvimento em um roubo de joias ocorrido no mês de março, em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense.

Ao receber voz de prisão, ele estava de plantão no DPO de Carapebus. Contra ele havia um mandado de prisão temporária em aberto. O carro do policial, um Honda CRV de cor preta, foi apreendido. O sargento L. de 46 anos, é campista e já foi lotado no DPO de Ururaí.

De acordo com a polícia, o sargento é suspeito de envolvimento em um assalto no dia 9 de março, na Rua Rocha Leão, nas proximidades do Hospital Ferreira Machado (HFM), tendo como vítima uma vendedora de joias. Na ocasião, a mulher saía de um estacionamento, quando foi rendida e teve uma bolsa roubada com jóias. Segundo ainda a polícia, as joias roubadas teriam um valor de estimado em R$ 1 milhão.

Através de imagens de câmeras de monitoramento, a polícia teria descoberto que  um dos autores do assalto entrou no carro do sargento após o roubo.

Em depoimento, o policial teria alegado que no dia do crime, ele estava próximo ao local do assalto fazendo orçamento de produtos em um comércio, porque fazia obras em sua casa.

Durante a operação desta quarta-feira, buscas foram feitas na casa da ex-mulher do policial. O endereço dela não divulgado pela polícia. 

Com informações do Portal Campos 24 Horas

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo