Casos de PolíciainvestigaçãoPMRJ

PM morreu atropelado por carro em alta velocidade na Ponte Rio-Niterói. Outros ficaram feridos. Motorista fugiu. VEJA VIDEO

A Secretaria de Estado de Polícia Militar lamenta a morte do Cabo Artur Virgílio Ellena Guarana Guia, ocorrida no início da manhã deste domingo (5/3), na Ponte Presidente Costa e Silva (Rio-Niterói).

Equipe do Rondas Especiais e Controle de Multidão (RECOM) estava em deslocamento para assumir um serviço na Av. Brasil, em apoio ao BPVE. O Cabo Virgílio trafegava em um veículo particular quando o automóvel apresentou uma pane na Ponte Rio-Niterói, sentido Rio de Janeiro. Ao tentar sinalizar a via, o policial foi atingido por um carro que trafegava em alta velocidade e, infelizmente, não resistiu.  O motorista fugiu.

O restante da equipe, que transitava com a viatura, parou para auxiliar o militar. Neste momento, um deles foi ferido na perna e o outro ficou em estado de choque. Os dois policiais foram socorridos ao Hospital Central da Polícia Militar e não correm risco de morte.

O Cabo Artur Virgílio Ellena Guarana era lotado no RECOM, estava na Corporação desde 2013 e tinha 42 anos. Ele deixa esposa e quatro filhos.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo