Casos de Políciacorrupção policialDenunciainvestigaçãomilícia

PM submete a conselho de disciplina (que pode expulsar) sargento que recebeu oferta de almoço gratuito de integrante da maior milícia do RJ

Poucas semanas após o Ministério Público deflagrar uma operação contra PMs envolvidos com a maior milícia do Rio, a Polícia Militar decidiu submeter a conselho de disciplina, que pode levar a expulsão de seus quadros, o sargento Leonardo Correa de Oliveira, lotado no 18º BPM (Jacarepaguá).

Constatou-se através das investigações da DRACO-IE, a existência de uma estreita relaç o do acusado ao miliciano Luiz Bastos de Oliveira Junior, vulgo “PQDzinho”, o qual atua na região de Santa Cruz, Campo Grande, Paciência e suas proximidades, onde, após apreensão de celulares pertencentes ao criminoso, pôde-se observar colóquios envolvendo o bandido e o sargento.

almoco da milicia

O miliciano ofertava almoço gratuito à parte dos policiais militares do 27o BPM, sendo o acusado, hipoteticamente, o elo de contato. Foram encontradas, ainda, em um dos celulares do paramilitar, notas fiscais de uma churrascaria
localizada em Santa Cruz/RJ.

Os áudios foram remetidos por “PQDzinho” ao miliciano Francisco Anderson da
Silva Costa, vulgo “Garça”, e encontrados no celular do criminoso, após cumprimento de mandados de
busca e apreensão, sendo encaminhados, igualmente, notas fiscais de refeições como “prestação de
contas”.

Cabe destacar que os fatos ocorreram quando Oliveira pertencia ao Grupamento de
Ações Tática do 27o BPM, unidade em que foi lotado pelo período de 18 de setembro de 2018 a 09 de
dezembro de 2021.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo