Casos de PolíciaDenuncia

Presa suspeita de decepar órgão genital de adolescente

Policiais civis da 78ª DP (Fonseca) prenderam na tarde desse domingo (08/03), Tarciana Martins de Oliveira.

Ela foi julgada pelo crime de tortura e condenada a sete anos de prisão em regime fechado.

A mulher foi identificada como um dos participantes da sessão de tortura que culminou na amputação do órgão genital de um adolescente de 14 anos, em 08/10/2013, na Favela da Palmeira, em Niterói.

Ela teria imputado falsamente ao adolescente a prática do estupro contra uma criança de quatro anos, e em seguida incitou os traficantes da localidade para darem um “corretivo” no menor.

Por conta disso o adolescente foi capturado e submetido ao tribunal do tráfico, sendo em seguida amarrado em um poste onde foi espancado e, por fim, mutilado.

Na época dos fatos a criança que teria sido estuprada pelo adolescente foi encaminhada a Exame de Corpo de Delito e a violência sexual não foi confirmada.

A acusada foi presa pelos agentes da delegacia do Fonseca quando chegava na sala de aula para prestar o Concurso Público da CLIN (Companhia de Limpeza e Niterói), que ocorreu neste domingo em diversos pontos da cidade, com base nas atividades de inteligência policial da delegacia.

Todos os traficantes envolvidos no crime já haviam sido presos e Tarciana era a única que permanecia foragida.

Ela será encaminhada ao sistema prisional onde iniciará o cumprimento de sua pena.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo