Casos de PolíciaComando VermelhoDenunciainvestigaçãomilíciaOperação PolicialPrisão

Presos na Gardênia Azul milicianos ligados a Zinho que fizeram parte do CV

Agentes do Departamento-Geral de Polícia Especializada (DGPE) prenderam, nesta segunda-feira (03/01), dois integrantes da milícia comandada por Luiz Antônio da Silva Braga, o “Zinho”. A ação é parte da FT-1000, a Força-Tarefa dos Mil Milicianos Presos, e contou com a participação da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme), Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) e da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e Inquéritos Especiais (DRACO).  Ambos faziam parte da facção criminosa Comando Vermelho.

“Cabeça” e “Recruta” foram capturados em flagrante na Gardênia Azul, Zona Oeste do Rio de Janeiro. De acordo com os policiais, os milicianos foram localizados durante o monitoramento de inteligência, que apontou a realização de uma reunião de planejamento de ataques a grupos rivais nas comunidades de Jacarepaguá. Com os criminosos foram apreendidos porretes, roupas e mochilas camufladas, além de uma pistola e um colete balístico com inscrições que fazem referência à milícia que atua naquela região. 


As investigações apontam que “Cabeça” atuava no tráfico de drogas na comunidade da Caixa D’água, em Quintino, e “Recruta” do Complexo do Chapadão.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo