Casos de PolíciaDenunciaPMRJViolência

Quatro PMs são acusados de tortura em Rio das Ostras. Suspeito teria sido asfixiado para confessar crime

Quatro PMs são réus em um processo aberto esse ano, com prisão preventiva decretada em abril, acusados de torturar um homem preso após ser flagrado com drogas no ano passado, em Rio das Ostras.

Os PMs foram acusados de constranger  L.C.S com emprego de violência e grave ameaça, após algemá-lo, a sofrimento físico e mental, mediante socos, tapas e asfixia, consubstanciada na colocação de um saco em sua cabeça, com o fim de obter informações sobre o local em que a droga estava escondida, causando as lesões descritas no laudo de exame de corpo de delito.


Dois dos policiais, segundo informações da Justiça, estão soltos beneficiados por habeas corpus.

Um deles cumpre medidas cautelares.

comparecimento mensal ao cartório do
juízo criminal para informar e justificar suas atividades; proibição de qualquer
contato com a apontada vítima; proibição de ausentar-se da Comarca) e V
(recolhimento domiciliar noturno das 21 horas às 6:00 horas, e nos dias de folga;
suspensão de função pública, assim entendida como o afastamento do paciente do
policiamento ostensivo e de qualquer operação externa, devendo ser mantido em
funções administrativa no Batalhão)


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo