Casos de Políciahomicídioinvestigaçãomilícia

Testemunha relatou ter visto Ronnie Lessa participando de homicídio de casal em 2014

Uma testemunha relatou à Justiça ter visto o policial reformado Ronnie Lessa participar do homicídio de um homem conhecido como André Zoio e sua esposa Juliana, ocorrido no dia  14.06.2014, em Jacarepaguá.


Segundo investigações, Lessa, que está preso pelo assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, teria agido a mando de Cristiano Girão, então chefe da milícia da Gardênia Azul. 

A testemunha relatou que viu o carro Honda Civic onde estavam as vítimas dando marcha ré. Neste momento, o declarante viu também o veículo carro pelos autores, um Fiat Doblô, “fechar” o veículo onde estavam as vítimas; 
O depoente olhou para a direção de onde vinham os disparos. 


Disse ter visto uma arma longa parecendo um fuzil. Não teve dúvida em apontar Ronnie Lessa como um dos autores pois o conhecia há mais de 10 anos.; pois sempre frequentou a Gardênia Azul.


Sabia que Lessa possuía uma perna mecânica e que inclusive estava mancando no dia do crime.
Declarou que, após os disparos, Lessa e seus comparsas caminharam de volta para o veículo Doblô, cor branca, e enquanto caminhava, Lessa chegou a tropeçar. Ele estava acompanhado de um homem, o qual estava de touca cobrindo apenas a cabeça, com o rosto à mostra, e que realizou disparos de trás de um poste.

A testemunha relatou que um homem conhecido como Robocop dava parte do dinheiro arrecado nas cobranças para Lessa.

Segundo relatos, Zoio foi morto porque estaria supostamente cobrando aluguéis que eram de Girão. Outros desafetos do chefão da milícia da época, conhecidos pelos vulgos de Grande, Tiano e Rolinha, também foram mortos. , “

O PM reformado, segundo o relato, sempre parava para beber no bar camaleão; Que os moradores se referiam a Lessa como o “Homem”; Que o declarante sempre ouvia comentários do tipo: “o home está aí”, e que todos sabiam que se tratava dele; Lessa era muito respeitado na comunidade, pois os moradores tinham certo temor dele 

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo