Casos de PolíciainvestigaçãoOperação PolicialTerceiro Comando PuroTiroteio

Traficantes da Vila Aliança (TCP) atravessaram ônibus e caminhões na rua para impedir operação policial

Traficantes atravessaram ônibus e caminhões na rua na última quinta-feira (20) para impedir uma operação policial na Vila Aliança, em Bangu, na Zona Oeste do Rio.

A ação era para cumprimento de seis mandados de prisão contra alvos integrantes da liderança de uma facção criminosa nas imediações da comunidade e fora da região de favela.

A investigação policial apontava para a prática de explosões/furtos de caixas eletrônicos pela organização que domina a localidade nas imediações dos Complexos da Vila Aliança e Coréia.

Houve o emprego de dois veículos blindados para transporte e proteção dos policiais envolvidos. A chegada dos agentes incluía a passagem por via principal que circunda as comunidades acima descritas: a Estrada do Taquaral.

Os policiais encontram diversas barricadas consistentes em miguelitos, jacarés (fincados ao solo por correntes e cadeados), ônibus e caminhões em plena via principal (Estrada do Taquaral) para evitar a passagem das equipes, que foram atacadas por disparos de armas de fogo de grosso calibre.

Segundo a polícia, ficou evidente que os narcotraficantes tem expandido os seus domínios para fora das favelas, buscando encurralar forças policiais em plena via pública de grande movimentação.

Destaque-se que a falta de utilização da aeronave policial colocou as equipes em risco excessivo, deixando os narcotraficantes livres para efetuar disparos contra as forças policiais, e prejudicou a eficiência da ação ao atrasar a progressão das equipes e permitir a fuga do alvo principal.

Foi preso Rodrigo Oliveira Barros Junior, que possui três anotações criminais por furtos de caixas eletrônicos, já sendo preso pela DRF anteriormente.

Em sua residência foi encontrado um laboratório de mistura para endolação de cocaína, incluindo diversas substâncias para diluição, tubos de plástico, balança de precisão e liquidificador.

Foram achadoss ainda peças/compartimentos de cofres, tais como noteiros, shutters, fechaduras e módulos aceitador de cédulas.

.Em terreno próximo foram encontrados quatro explosivos possivelmente utilizados em caixas eletrônicos, bem como capas de coletes balísticos de empresa de Vigilância privada, potencialmente subtraídos.O

Outro preso foi Sergio Rabello por associação para o tráfico de drogas, em razão de portar um rádio transmissor para comunicação com os narcotraficantes para passagem de informações/posições das equipes policiais, tendo seguido e filmado os veículos blindados durante a operação para orientação de colocação de barricadas

Ficou evidente que os narcotraficantes tem expandido os seus domínios para fora das favelas, buscando encurralar forças policiais em plena via pública de grande movimentação.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo