Casos de PolíciaComando VermelhoDenunciahomicídioinvestigação

Veja como todos os suspeitos do assassinato da influenciadora Aline Borel foram presos. Eles eram integrantes do CV

Veja como os acusados do assassinato da influenciadora Aline Borel foram presos.

Luiz Henrique Mota Fresura – Policiais militares receberam informação de que pessoas ligadas à facção criminosa autodenominada ´Comando Vermelho´ estariam traficando na Estrada do Corte, Bairro Ponte dos Leites, e que um deles portava uma arma longa. Ao se aproximarem, avistaram três indivíduos que estavam juntos e correram em direção a um beco. A guarnição capturou um deles, o ora custodiado, na posse de uma sacola contendo 9,5g de crack em 100 embalagens com a inscrição ´CPX GUANABARA CRACK CV´, além de 43g de cocaína em 57 tubos com as inscrições: ´CPX DO CORTE PÓ CV´. 

Além disso, próximo ao custodiado, junto a um mato baixo, foi encontrada uma espingarda artesanal calibre 12, municiada com balote do mesmo calibre não percutido. 

Natanael dos Santos Nunes – foi preso na posse de um revólver calibre .38, Rossi, com numeração suprimida, municiado com cinco munições calibre .38 intactas e uma pochete contendo R$ 50,00 e 200 pedras de crack. Segundo os agentes da lei, o custodiado confirmou que estaria se deslocando para a Favela do Corte e, com o material, iria abastecer as bocas. 

Ricardo Santos Oliveira e João Vitor Fernandes dos Santos – flagrados com  1kg e 617,2g de cocaína, 193g de cocaína na forma de crack e 84,6g de maconha, além de um explosivo (bomba de fabricação caseira.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo