AssaltoCasos de PolíciaDenunciainvestigaçãoOperação PolicialPrisão

Veja o passo a passo como agia o bando de furtadores de lojas conhecido como o ‘Bonde das Gordas’

Veja como um grupo criminoso intitulado Bonde das Gordas agiu para furtar diversos produtos da Lojas Americanas da Rua Marquês de Abranches, no Flamengo. Os suspeitos foram presos ontem.

Narrou um dos policiais que ´na data de hoje, equipes da 10DP foram acionados pelo setor de segurança do shopping Rio Sul, pois havia um grupo suspeito de cometer furtos nas lojas.

Com a chegada dos agentes, eles conduziram os criminosos a delegacia e após análise, um telefone que estava de posse de uma das integrantes do bando, Cátia, em que foi constatado que era produto de roubo, registrado na 34DP, sob o número 034-00069/202.Os materiais que estavam na posse dos conduzidos também eram produto de furto, realizado no dia de hoje, nas lojas Americanas e Hortifruti localizadas na rua Marques de Abrantes, nº 172 e 192, respectivamente;.

Pelas imagens do circuito interno das respectivas lojas, foi constatado que Cátia foi responsável por distrair funcionários das lojas e furtar os produtos e Mônica, Franciele e Carlos furtaram os produtos no interior das lojas americanas. O acusado Ronald não aparece nas imagens, sendo possivelmente o que fica ao lado de fora, responsável por resguardar o perímetro e avisar a proximidade de alguma força policial; 

Antes da abordagem, um dos integrantes do grupo criminoso, identificado como Adriel saiu do local, não sendo possível sua captura.

A funcionária de um dos estabelecimentos lesados menciona que ´ estava em seu local de trabalho quando  teve a atenção voltada para oito indivíduos que entraram na loja praticamente juntos; Que acusada Mônica a abordou dizendo que precisava de ajuda para ver alguns produtos, eis que não sabia ler.

Ela questionou a declarante sobre dois produtos e logo em seguida Francielle abordou a funcionária para questiona-la sobre um produto panela de pressão.

Logo em seguida um indivíduo não identificado, de cor preta, cabelo black power, trajando camisa cinza e bermuda jeans, que estava entre os 8 suspeitos que entraram na loja, também abordou a depoente para fazer perguntas.
Depois, a funcionária foi cercada por quatro deles  que faziam diversas perguntas sobre produtos que supostamente iriam comprar.

 Neste momento, uma vendedora foi abordada por Ronald questionando sobre produtos e como poderia fazer um cartão da loja.

Nenhum deles comprou nenhum produto. Assim que todos saíram,  a declarante e suas colegas de serviço, por acharem a situação muito suspeita, foram verificar se algum produto foi furtado, bem como analisar as imagens do circuito de monitoramento da loja; Que pelas imagens foi possível ver que enquanto a declarante e a vendedora são distraídas, Carlos Eduardo e outro indivíduo retirando dois aparelhos de ar-condicionado.

 Pelas imagens é possível ver quando Mônica levanta um manta na frente da declarante a questionando sobre o produto e o indivíduo não identificado passa atrás de Mônica carregando o ar-condicionado e sai da loja e outro suspeito não identificado de retira outro aparelho de ar-condicionado da prateleira e coloca ao chão e ato contínuo Carlos pega o aparelho e sai da loja.

A ação criminosa durou 13 minutos entre a entrada dos oito criminosos e a saída de todos eles da loja; QUE o fato foi registrado na 4ª Delegacia de Policial conforme Registro de Ocorrência 004-03360/2022; 

Outra testemunha menciona que ´é funcionária das Lojas Americanas, localizada na rua Marques de Abrantes, nº 172. Que na estava trabalhando no caixa que fica de frente para a entrada da loja, quando notou a entrada de cinco pessoas com atitudes suspeitas. 

No dia específico dos fatos, os custodiados subtraíram diversos bens de vários estabelecimentos comerciais, usando acentuada habilidade e destreza para distrair os respectivos funcionários. 

Há, diante do narrado, uma associação criminosa com divisão de tarefas e bastante exitosa em suas ações delitivas.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo