Casos de PolíciaDenunciainvestigaçãoOperação PolicialPrisão

Veja o perfil de cinco dos mais de 500 presos que não voltaram para a cadeia após o indulto de Natal

O Portal dos Procurados divulgou fotos e o.perfil de cinco dos 522 presos que não voltaram para a cadeia após o Indulto de Natal. Veja os detalhes.

img 20220105 wa0893

1 – Edigar de Morais, o Edgarzinho, de 40 anos, chefia o tráfico de drogas no Morro do Jovem, em Miracema, Noroeste Fluminense. Possui várias passagens pelo Sistema Prisional entre os anos de 2005 e 2021.

img 20220105 wa0892

2 – Charles Miranda Ramos, o Magro de 22 anos, é ligado a facção Comando Vermelho e chefia o tráfico de drogas no Morro dos Marítimos, em Niterói, Zona Metropolitana do Rio de Janeiro. Ele é filho do traficante Altair Domingos Ramos, o Nai da Mineira.

Charles já teve passagens pelo sistema carcerário entre 2009 e 2011. Em 17 de agosto de 2011, ele foi preso novamente e encaminhado para Presídio Ary Franco. Em 13 de outubro de 2013, ele ganhou o direito de regredir ao sistema semiaberto, indo cumprir pena no Instituto Penal Edgard Costa, porém, no dia 19, oito após receber o benefício da Justiça, ele não mais retornou a sua unidade prisional, e encontra-se atualmente na condição de Evadido do Sistema Penitenciário.
Em março de 2019, ele foi preso novamente, por Agentes da Operação Lei Seca, na rua João Paulo I, no bairro do Estácio, região central do Rio. Na época ele possuía sete mandados de prisão em aberto pelos crimes de homicídio, tráfico de drogas e roubo.

img 20220105 wa0894

3 – Cleiton da Silva, Mãozinha, de 30 anos, é apontado como chefe do tráfico da Favela do Lixo, no bairro Manoel Corrêa, em Cabo Frio. Ele saiu, não retornou mais e tem o paradeiro desconhecido.

Ele pertence a quadrilha do traficante Carlos Eduardo Rocha Freire Barbosa, o Kadu Playboy, Ele é apontado pelos promotores do Ministério Público como o chefe de uma quadrilha que atuava na Região dos Lagos, e atualmente se encontra preso, sendo condenando a 57 anos de prisão.

img 20220105 wa0891

4 – Igor de Assis Bernardo, o Pretinho, de 26 anos, ligado ao trafico de drogas da facção CV, ele é integrante da quadrilha do traficante Antônio Hilário Ferreira, o Rabicó, chefe do trafico do Complexo do Salgueiro. Ele é um dos principais acusados de assassinar o agente penitenciário Paulo Fernando de Oliveira Lima, durante um assalto em dezembro de 2015, no Boaçu São Gonçalo.

Em 2016, ele também seria um dos responsáveis por planejar um ataque à sede da Divisão de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo (DHNISG), em Niterói, durante uma manifestação contra o desaparecimento de um traficante após confronto com PMs do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope).

img 20220105 wa0890

5 – Vanderson Vieira Travasos – o Chacrinha ou Frango ou Negão, de 44 anos. Chefia o tráfico de drogas na Favela da Mangueirinha, em Caxias. Em 2012, em Uma guerra entre traficantes de duas facções, no Morro da Serrinha, na Zona Norte, Vanderson, liderou um grupo de traficantes, das favelas Nova Holanda, Pavão Pavãozinho, Complexo do Lins e Beira Rio para iniciar a invasão no Complexo da Serrinha, comandada até hoje pelo traficante Lacoste.

Ele é filho do bandido França, que liderou os criminosos do Morro de São José, em Madureira, em 2012, e depois foi em uma ação policial na região

O Disque Denúncia recebe informações sobre a localização de foragidos da Justiça, nos seguintes canais de atendimento:
• Zap do Portal dos Procurados: (21) 98849-6099
• (21) 2253 1177 ou 0300-253-1177
• APP “Disque Denúncia RJ”
• Facebook/(inbox): https://www.facebook.com/procuradosrj/,
• https://twitter.com/PProcurados (mensagens).
• Site Portal dos Procurados – em Denuncie – (procurados.org.br/contato)
Em todas as plataformas digitais, o Anonimato é Garantido.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo