Diversos

Dois detentos engolem celular e um deles precisa ser hospitalizado

Um detento da Unidade Penitenciária Evaristo de Moraes, localizada na cidade de Sena Madureira, interior do Acre, foi internado em um hospital de Rio Branco nesta quinta-feira após engolir um celular para escondê-lo de agentes penitenciários.

Durante a transferência de presos provisórios em pavilhões da penitenciária, um procedimento padrão de scanner corporal identificou dois aparelhos telefônicos nos estômagos de dois homens.

O preso que conseguiu expelir o celular vai passar por um processo administrativo e está sob punição de dez dias sem direito a visitas e banho de sol.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo