Diversos

MetrôRio encontra porteiro que perdeu carteira com mais de R$ 2 mil

Funcionários do MetrôRio reencontraram, nesta quarta-feira, o porteiro Francisco José Martins, de 43 anos, que havia perdido, na estação Pavuna, uma carteira com R$ 2460,50 em espécie e um contracheque, além de documentos, há 15 dias.

Desde que se mudou para o Rio de Janeiro, há 25 anos, ele só tinha voltado ao Piauí uma vez, em 2009, quando o pai faleceu.

No início do mês, Francisco recebeu o salário e a remuneração referente às férias, no prédio em que trabalha, em Botafogo, e pegou o metrô rumo à Pavuna, onde mora com a esposa e dois filhos.

O homem não percebeu, mas quando chegou à plataforma da estação Pavuna, deixou cair a carteira.

Algumas horas depois, um funcionário da limpeza da estação encontrou o objeto e o entregou a um agente de segurança do MetrôRio, que preencheu o protocolo do Achados e Perdidos da empresa.

Primeiramente, tentei localizá-lo pelas redes sociais, mas não tinha ninguém parecido com a foto da identidade.

Liguei para lá e, pelo número da matrícula, conseguiram localizar o condomínio em que ele presta serviço.

Sem dinheiro, ele não pôde viajar, ficou devendo alguns boletos e ainda pegou um resfriado que o deixou de cama.

Francisco não tem telefone, então só recebeu a boa notícia no último dia 15, quando voltou das férias.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PUBLICIDADE

Aguarde 10 segundos e clique em fechar publicidade para visualizar a notícia.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Encontramos um bloqueador de anúncios em seu navegador. Desabilite-o para navegar