Flamengo

Filipe Luís revela que pediu para Rodinei não ser expulso por Rafael Claus

O lateral-direito Rodinei foi peça chave para o título brasileiro do Flamengo em 2020 mesmo que indiretamente. Ao dar uma entrada feia em Filipe Luís, Rodinei foi expulso pelo àrbitro da partida. Em entrevista, Filipe Luís revela que pediu para Rodinei não ser expulso por Rafael Claus.

– O Rodinei é muito meu amigo, sou íntimo dele, da mulher dele, da filha dele. Amo esse cara, já me deu muitas alegrias, ganhei título com ele. Quem a gente ganha título, a gente não esquece. Quando ele pisou no meu tornozelo, eu sabia que ele ia ser expulso, porque ele pisou muito no meu tornozelo. A primeira reação que eu tive, foi falar para o juiz: ‘Não expulsa, porque eu sei que não foi na maldade’. Mas o juiz foi analisar no VAR e decidiu expulsar, disse o camisa 16 do Flamengo antes de completar.

Foto: Ricardo Duarte / SC Internacional

– Depois, saiu notícia de que todos os juízes da América do Sul confirmaram que era para cartão vermelho. A gente tem que entender o critério. Um pisão daqueles tem um risco. Eu escutei um jornalista dizendo que se tivesse quebrado a perna seria para vermelho. Não, tem que proteger o jogador. Mas, sabendo de quem se trata e do jogo que era, eu decidi ter essa iniciativa, junto com o Diego Ribas, fomos falando que era para amarelo, completou.

Na entrevista concedida ao canal TNT Sports, Filipe Luís disse que o arbitro Rafael Claus respondeu algo que não fazia nenhum sentido e aproveitou para fazer críticas a analise do lance, afirmando que a expulsão foi correta pelo fato do lance ser para cartão vermelho.

Foto: Reprodução

– Ele esperou o VAR, porque não tinha marcado falta, e falou que não tinha nada a ver uma coisa com a outra. Se meu tornozelo vira e rompe os meus ligamentos, todo mundo ia falar: ‘Não, aí era para expulsão’. São critérios. Agora, eu amo o Rodinei, não queria que ele tivesse sido expulso nem crucificado. Mas esse lance, seguramente, era para cartão vermelho, afirmou.

Fonte: Cenário MT

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo