Notícias

Bolsonaro diz que uma facada na barriga de Lula ‘sairia cachaça com certeza’

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira que “não dará satisfação” ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e criticou as declarações dados pelo petista colocando em dúvida o atentado que sofreu durante a campanha.

“Eu teria grana e influência para armar algo desse tamanho?”, questionou o presidente durante café da manhã com jornalistas no Palácio do Planalto.

Segundo o presidente, a depender do lugar onde uma facada é dada “sangra pra dentro” e, por isso, não há imagens de sangue logo após o atentado em Juiz de Fora (MG).

“Que eu saiba presidiário presta depoimento e não dá entrevista”, afirmou quando questionado sobre entrevista concedida pelo ex-presidente Lula aos jornalistas Juca Kfouri e ao José Trajano, da TVT.

Presente ao encontro, o general Augusto Heleno, ministro do Gabinete de Segurança Institucional, pediu a palavra e chamou Lula de “canalha”.

“Não mereceu jamais ser presidente da República Eu tenho vergonha de um sujeito desse ter sido presidente da República”, disse.

Porque eu quero dar o exemplo de uma instituição que, na minha opinião, se não é a mais importante do País, está entre as três mais importantes.

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo