Notícias

Candidata que diz ter sido laranja de ministro do Turismo confirma denúncia ao MPF

Candidata a deputada estadual por Minas Gerais nas eleições de 2018, Zuleide Aparecida Oliveira (PSL) confirmou, em depoimento ao Ministério Público (MPF) nesta segunda-feira (22), ter sido chamada para atuar como laranja pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, que era presidente do partido no estado durante a campanha.

Procurado pelo G1, ele voltou a negar as supostas irregularidades e afirmou que aguarda a conclusão das investigações.

Zuleide esteve na sede da Procuradoria da República de Pouso Alegre, no Sul de Minas, e entregou materiais de campanha enviados pelo partido.

Dentre os itens, que segundo o MPF não foram declarados à Justiça, estão 25 mil santinhos de propaganda, em dobradinha com Álvaro Antônio, que foi o deputado federal mais votado em Minas Gerais.

Além disso, foram entregues adesivos de apoio ao então candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, ao lado do atual ministro do Turismo.

Ainda segundo o Ministério, os gastos com a campanha da candidata não foram registrados pelas divisões do PSL estadual e nacional.

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo