Política

Após decisão do STJ, juíza determina soltura imediata de Temer e Coronel Lima

A juíza federal Caroline Vieira Figueiredo, da 7ª Vara Federal Criminal, determinou, nesta quarta-feira (15) a soltura imediata do ex-presidente da República Michel Temer (MDB) e de Coronel Lima, o suposto operador no esquema que teria desviado R$ 1,8 bilhão nas obras da usina nuclear de Angra 3.

A magistrada, que cobre as férias do juiz Marcelo Bretas, determinou a expedição do alvará de soltura para cumprimento imediato.

Temer e Lima são réus por corrupção, lavagem de dinheiro e peculato em uma ação penal que tramita no Rio de Janeiro e apura supostos desvios na construção da Usina Angra 3, operada pela Eletronuclear.

ex-presidente foi preso, pela segunda vez, na quinta-feira (9) da semana passada (9) e ficou quatro noites na sede da Polícia Federal, na Lapa, Zona Oeste de São Paulo, até ser transferido para o Comando de Policiamento de Choque..

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo