Comando VermelhoCoronavírusSaúde e Alimentação

Tráfico proíbe turistas em favelas do Rio devido ao Coronavírus

Por ordem do comando local do tráfico de drogas, está proibida a entrada de turistas em duas das principais favelas do Rio, Rocinha e Vidigal, ambas na zona sul da cidade e com vista para o mar. A determinação é cumprida nos acessos dessas comunidades, com ‘soldados’ do tráfico impedindo a visita. Tudo isso por causa do temor de contaminação pelo novo coronavírus.

Terra confirmou a informação com moradores de cada uma dessas favelas. Normalmente, as duas recebem excursões de estrangeiros. Esses passeios fazem parte de pacotes de turismo, de empresas credenciadas pela Riotur (Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro).

Ao mesmo tempo que matam a curiosidade de conhecer uma dessas localidades, os turistas aquecem a economia das comunidades, com a compra de souvenirs e o consumo em bares e restaurantes, ateliês, antiquários e brechós.

Na Rocinha, a maior favela da América Latina, os grupos costumam subir a pontos estratégicos que permitem imagens deslumbrantes de parte do litoral do Rio.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo