Transito

PM anuncia esquema para restringir circulação de pessoas no Rio

A Polícia Militar prepara um esquema especial para fazer com que o decreto publicado ontem pelo Governo do Estado do Rio seja acatado pela população.

Segundo o coronel Mauro Fliess, porta-voz da PM, as medidas destacam equipes para atuar nas estações de trem, metrô e barcas, nas praias e em pontos estratégicos com maior circulação de ônibus.

 Segundo Mauro Fliess, a partir da 0h de hoje, quando o decreto entra em vigor, policiais militares realizarão barreiras em 14 estação de trem, três do Metrô (Pavuna, Rubens Paiva e Acari) e estação das barcas em Niterói.

 “Só será permitida a passagem de pessoas que precisarem trabalhar em funções específicas, como médicos, policiais, bombeiros, jornalistas e funcionários de farmácias, supermercados e restaurantes.

Para conter excesso de passageiros no BRT e nos ônibus convencionais da cidade, o coronel Mauro Fliess informou que haverá equipes em pontos estratégicos para dar suporte aos motoristas, que estão orientados pelas empresas a não trafegar com pessoas em pé.

Nas estradas, a PM atuará em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) para impedir que ônibus intermunicipais entrem na cidade do Rio, conforme determinação do governador do Rio, Wilson Witzel.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo